Mar morto…Onde fica,como é …

                                                                                                                                                     O Mar Morto, também conhecido como lago Asfaltite, situa-se no Oriente Médio, na região interior da Palestina, banhando a Jordânia, Israel e Cisjordânia. É alimentado pelo rio Jordão. Do ponto de vista climático e geográfico, está região apresenta clima subtropical e semi-árido, com verões de altas temperaturas e muito seco. A região é praticamente desértica.

Na verdade, o Mar Morto é um lago de formato estreito e alongado, possuindo 82 quilômetros de comprimento e 18 quilômetros de largura. Ele está a 392 metros abaixo do nível do Mar Mediterrâneo e 417 metros sob o nível do mar (é o ponto mais baixo do planeta Terra.

A característica marcante deste lago é a alta concentração de sal em suas águas (cerca de 300 gramas de sais para cada litro de água). A quantidade considerada normal para os oceanos é de 30 gramas para cada litro de água.

Esta característica impossibilita o desenvolvimento de peixes ou qualquer outra forma de vida. Os peixes, que chegam pelo rio Jordão, morrem instantaneamente ao entrarem no lago. Por isso, ele é chamado de Mar Morto. 

About these ads
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Mar morto…Onde fica,como é …

  1. Glaucia disse:

     
    Oi Louise,
    Como a gente tinha conversado está na hora de concluirmos a pesquisa.
    Você já viu na sua tabela os sais minerais que existem na água do mar.  
    Para entender melhor, é preciso saber como se forma o sal. Ele é formado pelos sais minerais (sódio e cloreto) extraído das rochas, que águas dos rios e chuvas retiram ao baterem nelas, e levam para os oceanos quando deságuam nestes. Aí, quando o sódio se mistura com o cloreto, se forma o sal.
    No ciclo da água, que nós da estudamos, ocorre a evaporação. A evaporação retira a água e deixa o sal. Essa água (o vapor de água da evaporação) se condensa e forma as nuvens.  A água das nuvens precipita-se  (isso você sabe o que é… é cair, tá lembrada) em forma de chuva.  Essa água da chuva é doce (isto é sem adição de sais minerais) e abastece os rios e lagos.
     
    E quando a água da chuva cai no solo?
    Quando o solo é permeável, parte da água da chuva se infiltra até encontrar um lençol freático (subterrâneo).  Ao se infiltrar no solo –  e depois de ultrapassar a camada de terra  e encontrar rochas abaixo do solo – , a água vai sendo purificada, livrando-se das partículas sólidas e de microorganismos: eles ficam retidos no solo.  Assim, a infiltração da água líquida  no solo ocorre como uma filtragem natural.  Quando chega ao lençol freático, a água é em geral cristalina e limpa.  Os lençóis de água podem brotar na superfície através de fontes (formam as nascentes de água – água doce).  A água dessas fontes escoa sobre a superfície do solo e origina os córregos.  Os córregos podem se reunir em algum ponto, formando rios; estes desembocam no oceano.  É nesse caminho para o oceano que a água dissolve os sais minerais existentes nas rochas e leva-os para o mar.
     
    Entendeu?
     
    Então agora está na hora de por a mão na massa, isto é, no teclado…
     
    Boa sorte!
    Profª Gláucia Barros.
     

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s